Draxxin - 50 ml

Ref: 6082 Zoetis
0 0 Avaliações.
Acabe com as indesejáveis doenças respiratórias, com Draxxin! O melhor e mais eficaz no tratamento de doenças respiratórias em bovinos e suínos. Confira!
Volume:
Por: R$ 439,17
6X de R$ 73,20 no cartão

Parcelamento no cartão de crédito

    calcule a entrega

    Quem comprou, comprou também

    Para uso em

    Informações

    Bula

    Draxxin - 50 ml

     

    Descrição:
    Draxxin é uma solução injetável pronta para uso, para injeção intramuscular em suínos. Contém tulatromicina, um antibiótico macrolídeo da subclasse dos triamilídeos. 

     

    Fórmula:
    Cada 100ml de Draxxin contém 
    Tulatromicina .........................10,0g
    Veículo q.s.p. ......................100,0ml

     

    Indicações de Draxxin:
    Suínos: 
    Para o tratamento terapêutico da doença respiratória suína associada com Actinobacillus pleuropneumoniae, Pasteurella multocida, Haemophilus parasuis, Bordetella bronchiseptica e Mycoplasma hyopneumoniae sensíveis a tulatromicina e tratamento metafilático (prevenção) da doença respiratória em suínos submetidos a alto risco de contrair a doença.

     

    Dosagem, modo de uso e vias de administração de Draxxin:
    Suínos (Tratamento terapêutico e metafilático) Administrar o produto Draxxin, por injeção intramuscular com dose única de 2,5 mg de tulatromicina/kg de peso corporal (equivalente a 1 ml/40 kg de peso corporal), no pescoço com todo cuidado de assepsia, usando-se seringas e agulhas esterilizadas. Para o tratamento de suínos com peso corporal acima de 80 kg, dividir a dose de modo que não seja injetado mais do que 2 ml de Draxxin em um mesmo local. 
     

    Recomendação Sobre a Correta Administração de Draxxin:
    É recomendado tratar os animais nos estágios iniciais da doença e avaliar a resposta ao tratamento dentro de 48 horas após a injeção. Se sinais clínicos da doença respiratória persistirem ou aumentarem, ou caso ocorra recaída, o tratamento deverá ser mudado, usando outro antibiótico e, mantido até que os sinais clínicos tenham desaparecido. 
    Para garantir a dosagem correta, o animal deve ser cuidadosamente pesado para evitar subdosagem. 
    É recomendado o uso de seringa automática ou de multi-dose, para evitar o alargamento excessivo da tampa do frasco. 

     

    Contra-indicações:
    Não usar Draxxin em casos de hipersensibilidade dos animais alvos, a antibióticos macrolídeos. 
    Não usar em vacas lactantes produzindo leite para consumo humano. 
    Não usar Draxxin em vacas prenhes ou novilhas destinadas a produção de leite para consumo humano, dentro de 2 meses antes da data prevista de parto. 

     

    Efeitos indesejáveis:
    Administração subcutânea do Draxxin em bovinos freqüentemente causa reação transitória de dor e inchaço local no ponto de inoculação que pode persistir por até 30 dias. 
    Tais reações não têm sido observadas em suínos após a administração intramuscular. 
    Reações patomorfológicas no local da aplicação de Draxxin estão presentes por aproximadamente 30 dias após a aplicação em ambas as espécies. 
    Caso seja observada qualquer outra reação colateral, favor informar o Médico Veterinário.

     

    Período de retirada:
    Bovino (carne e tecidos comestíveis): 18 dias.
    Suíno (carne e tecidos comestíveis): 5 dias.

     

    Precauções de estocagem:
    Após abrir e retirar a primeira dose do frasco, usar todo o conteúdo dentro de 28 dias. 
    Não utilizar Draxxin após o vencimento do prazo de validade que consta no rótulo. 
    Manter Draxxin fora do alcance de crianças e de animais domésticos. 

     

    Advertências especiais:
    Para o animal:
    O uso do produto Draxxin deve ser baseado em teste de suscetibilidade e estar de acordo com as políticas antimicrobianas oficiais e locais. 
    Estudos de laboratório em ratos e coelhos não demonstraram qualquer evidência de efeitos teratogênicos, embriotóxico ou maternotóxico. A segurança da tulatromicina durante a prenhez e lactação não foi estabelecida em bovinos e suínos. Usar somente de acordo com avaliação do risco/benefício feita pelo veterinário. 
    Em bovinos, com dosagens de três, cinco ou dez vezes a dose recomendada de Draxxin, foram observados sinais passageiros de desconforto no local da injeção e, incluindo inquietação, agitação da cabeça, patadas no solo e uma ligeira diminuição na ingestão de alimento. Uma leve degeneração do miocárdio foi observada em bovinos que receberam 5 -6 vezes a dose recomendada. 
    Em leitões pesando aproximadamente 10 kg, que receberam três ou cinco vezes a dose terapêutica de Draxxin, foram observados sinais passageiros de desconforto no local da injeção e, inclusive vocalização excessiva e inquietação. Foi também observada claudicação, quando utilizado o membro posterior como local da injeção. 

     

    Para o Operador:
    A tulatromicina é irritante para os olhos. Se ocorrer exposição acidental nos olhos, lave imediatamente com água limpa. 
    A tulatromicina pode causar sensibilização pelo contato com a pele. Se ocorrer exposição 
    acidental, lave a pele com água e sabão. 
    Lavar as mãos após o uso de Draxxin
    Em caso de injeção acidental no operador, procure atendimento médico imediatamente e mostre a bula ou rótulo ao médico.

    Formula

    Cada 100ml contém:

     

    • Tulatromicina.................... 10,0g
    • Veículo...................q.s.p........... 100,0ml
     

    Carência

    Abate Bovinos: 18 dias | Abate Suínos: 5 dias | Não administrar em: fêmeas leiteiras

    Indicações

    Bovinos: Draxxin é indicado no tratamento terapêutico da doença respiratória bovina associada com Mannheimia (Pasteurella) haemolytica, Pasteurella multocida, Haemophilus somnus e Mycoplasma bovissensíveis a tulatromicina e tratamento metafilático (prevenção) da doença respiratória em bovinos submetidos a alto risco de contrair a doença. A presença da doença no rebanho deve ser estabelecida antes do tratamento preventivo. Draxxin é também indicado para o tratamento de Queratoconjuntivite bovina associada a Moraxella bovis e Neisseria spp e necrobacilose interdigital (foot rot) causada por Fusobacterium necrophorum, Bacteróides melaninogenicus e B. nodosus. Suínos: Draxxin é indicado no tratamento terapêutico da doença respiratória suína associada com Actinobacillus pleuropneumoniae, Pasteurella multocida, Haemophilus parasuis, Bordetella bronchiseptica e Mycoplasma hyopneumoniae sensíveis a tulatromicina e tratamento metafilático (prevenção) da doença respiratória em suínos submetidos a alto risco de contrair a doença.

    Cancelar
    Draxxin - 50 ml

    Draxxin - 50 ml

    Ref: 6082

    R$ 439,17 à vista no boleto

    6X de R$ 73,20 sem juros

    R$ 439,17