Vitaminas

Vitaminas para cachorro

Assim como para os humanos, a alimentação é um dos fatores mais importantes para garantir que os pets tenham uma vida saudável e longa. É por meio da correta absorção dos nutrientes que o organismo se fortalece, tornando-se capaz de combater doenças e realizar as atividades metabólicas.

Assim, as vitaminas para cachorro podem ser excelentes aliados da saúde animal, na medida em que garantem que o seu bicho de estimação esteja recebendo a quantidade suficiente de vitaminas, proteínas e outros nutrientes fundamentais para uma dieta rica e balanceada.

 

Conhecendo as vitaminas para cachorro:

As vitaminas são divididas, geralmente, em dois grupos: hidrossolúvel e lipossolúvel, ou seja, solúvel em água e solúvel em gordura, respectivamente. Conheça um pouco mais sobre cada grupo:

Entre as vitaminas hidrossolúveis estão as do complexo B e a muito conhecida vitamina C. Essas vitaminas se encontram principalmente na corrente sanguínea, não ficando armazenadas no corpo, de maneira que elas passam pelo organismo rapidamente.

As vitaminas lipossolúveis incluem as vitaminas A, D, E e K. Elas funcionam de maneira diferente, ficando estocadas no corpo em tecido adiposo e no fígado.

Os suplementos para cachorro são encontrados em diferentes formas: líquidos, aditivos solúveis em água, com sabores, entre outros.

 

Benefícios das vitaminas para cachorro:

Muitas dessas vitaminas para cachorro trabalham em conjunto, mas cada uma proporciona um benefício específico. Alguns exemplos são:

- Diminuição do estresse;

- Promover pele e pelo mais saudáveis, evitando a queda;

- Melhora do sistema imunológico;

- Prevenção de doenças cardíacas;

- Controle de processos inflamatórios;

- Aumento da produção de células vermelhas.

 

Mas atenção: o excesso de vitaminas para cachorro ou outros nutrientes podem ser danosos para a saúde. Assim como na dieta humana, a suplementação animal apresenta alguns riscos.

 

Excesso de vitaminas para cachorro:

O excesso tende a ser perigoso de uma forma geral. Mesmo os hábitos benéficos podem causar prejuízos se repetidos sem moderação. Assim ocorre com a suplementação: ela pode ser aliada, desde que moderada e consciente e o exagero tem que ser evitado a todo custo.

Nem pense em fazê-la sem a orientação de um bom Médico Veterinário.

Esses especialistas saberão determinar a dosagem correta e garantirão que a concentração do nutriente no organismo do animal não seja superior ao limite saudável, o que garantirá, por exemplo, que os órgãos não fiquem sobrecarregados.